quarta-feira, novembro 16, 2011

Como os nossos pais.

Eu cheguei à Unicamp com 17 anos e foi lá que eu conheci o Movimento Estudantil. A princípio, há o deslumbre! Afinal, todo mundo aprendeu nas aulas de história que foram os jovens que mudaram esse país! Naquela época, vivíamos uma ditadura, policiais violentos, tortura, não havia liberdade de expressão, e quando olhamos para a juventude de hoje, pensamos: aonde foi parar aquela força do jovem para mudar o país?
Então, quando você conhece o Movimento pensa: vou fazer parte! vou militar! Eu quero fazer a diferença! Infelizmente, não é tão simples assim. É preciso de tempo. Eu trabalhava. E muitas pessoas da minha turma também. Às vezes, dava uma "raivinha" quando o pessoal vinha pedir para que participássemos da ocupação e eu pensava: "ah tá, e quem avisa ao meu chefe amanhã?" Essa galera, na maioria das vezes, tinha carro, o papai bancava e muitos fumavam maconha sim. É a realidade!
Mas isso não significa que eles não faziam o que deveria ser feito! Ou vocês acham que a juventude da década de 70 não era assim? Vocês acham que eles não tinham quem os bancasse? Não eram de famílias burguesas? Lembre os nomes desta época - Chico, Caetano, Gilberto Gil...-  e vcs acham que eles não fumavam maconha??????

Para que acabasse a ditadura e tivéssemos liberdade de expressão, eles DESOBEDECERAM às leis, eles gritaram, manifestaram, fizeram o que era preciso para que tivessem voz! A lei não está acima de tudo e todos! Elas estão aí para serem questionadas por cabeças pensam - e nada melhor que o ócio para estimular o pensamento livre!

(os modernistas da semana de arte moderna era burguesinhos filhinhos-de-papai e  revolucionaram a arte nesse país, foram chamados de jovens mimados e inconsequentes, massacrados pela imprensa e por conservadores como Monteiro Lobato e, por fim, trata-se de um dos períodos mais incríveis da literatura nacional.)

Quem começa a discussão dizendo que os manifestantes estão protestando apenas para poderem fumar maconha não deveria nem mesmo começar a discussão. Primeiro, porque você não procurou se informar por todos os acontecimentos. Segundo, porque é claro que essa é a visão que a mídia está divulgando sobre o assunto. Terceiro, você assistiu Tropa de Elite,é um bom filme, diz verdades, mas você não precisa repetir os argumentos dele o tempo todo né?

A manifestação é a respeito da presença da policia militar dentro da universidade e quanto aos escândalos de corrupção envolvendo o atual reitor da USP (esse texto aqui é excelente, então não vou recapitular tudo que foi dito nele) a prisão dos meninos foi apenas o estopim.

Mas o que tem me revoltado de verdade é a maioria massiva que acha que os estudantes são apenas um bando de baderneiros vândalos mascarados, que não deveriam desobedecer à lei, que a policia agiu com razão, afinal, eles não cumpriram a ordem judicial e esquecem o fato de que era DUZENTOS policiais contra SETENTA estudantes DESARMADOS. Policiais que coagiram, cometeram abuso de poder e há relatos até de tortura, fizeram tudo isso com jovens que estavam apenas manifestando, usando a liberdade de expressão que a geração anterior conquistou para nós.

É essa a policia que vai garantir segurança? É essa a policia que queremos dentro da universidade? Queremos segurança sim, mas isso não implica necessariamente na presença da policia militar! Existem diversas formas de manter a segurança! (vide o texto já mencionado)

A nossa ditadura é muito pior. É a ditadura do pensamento. É uma ditadura silenciosa que controla o meio de pensar através dos meios de comunicação. E os meios de comunicação que mostram apenas o lado que lhes interessa, que lhes cabe e favorece. Mostra apenas a pequena parcela de manifestantes radicais mascarados que apelaram para a violência, e não o interesse de quase 3000 estudantes que participaram das Assembleias.

Há muitas coisas que são questionáveis na atuação do Movimento Estudantil, existe muito barulho por nada também, mas não podemos negar o seu poder de transformação. Heróis são incompreendidos ao seu tempo, mas nem por isso deixam de ser heróis. Heróis são aqueles que fizeram o que era preciso ser feito!

Quer se informar melhor? Leia esses textos aqui:
Marcelo Rubens Paiva - http://blogs.estadao.com.br/marcelo-rubens-paiva/geracao-mascarada/ e http://blogs.estadao.com.br/marcelo-rubens-paiva/posse-de-maconha-nao-e-crime/
André Forastieri - http://noticias.r7.com/blogs/andre-forastieri/
http://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=2631278421904&id=1253687583
Carta capital: http://www.cartacapital.com.br/blog/politica/nao-carta-ao-ex-presidente-fhc/#.TrmVg9VlpjI.facebook
Estudante do ECA: http://www.facebook.com/notes/shayene-metri/desabafo-de-quem-tava-l%C3%A1-reintegra%C3%A7%C3%A3o-de-posse/233831886679892

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget