sábado, janeiro 16, 2010

Sei lá, sei lá.. essa vida é uma grande ilusão!

Já falei aqui sobre minha paixão por viagens, né? Conhecer lugares, pessoas, paisagens.. me apaixono por cada novo lugar que conheço! Minha última viagem foi pra Búzios, durante o reveillon! Ficamos dez dias. Em cinco meninas. Ou seja, tem muita história pra contar!!! Resolvi então fazer não apenas um post sobre toda a viagem, mas sim, vários "capítulos", falando em cada um deles um pouco sobre essa cidade de belo pôr-do-sol e água cristalina!
Vou começar então pelo nosso cantinho, o Buzioxx Hoxtel!

(Eu, Pir, Amanda e Lari, na cozinha coletiva, fazendo um esquenta antes de sair) 


A nossa última experiência com hospedagem não tinha sido legal. Em Maresias, alugamos um chalé e quando chegamos lá, todas as informações eram falsas: a localização era péssima, o imóvel sujo e bem menor do que parecia. Fora que em Maresias é dífícil conseguir táxi. Então, as meninas que foram de ônibus passaram um belo apuro para chegar até a casa. Dessa vez, preparamos-nos melhor, pra não passar raiva e nem perder grana.
Para quem não tem muito pra gastar, o Hostel é a melhor opção. Não é tão caro como um hotel, nem tem tantas "frescuras" e é mais confiável. Muitas vezes as pessoas só procuram hostel quando vão pra fora do país, eu já conheci dois aqui no Brasil, e os dois muito bons! Ambos filiados a rede Hostelling International, o que traz uma certa credibilidade.No site da federação tem os albergues do país inteiro, é só acessar: www.hostel.org.br 
Foi a partir do site que começamos a negociar com a Nay, ela foi muito atenciosa!!! Ficamos em quarto privativo com banheiro. Aliás, um super banheiro. (o que é essencial para um quarto com cinco mulheres). Ela ficou responsável por agendar nosso transfer do aeroporto do Rio de Janeiro até Búzios e foi tudo perfeito. Chegamos lá, a van já nos esperava e na volta, também, sem problemas.
Como já disse, as acomodações eram ótimas. Não sei sobre o quarto coletivo, mas creio que deve ser da mesma forma. Todos os funcionários eram muito simpáticos (o que é raridade no RJ, viu, na maioria dos estabelecimentos as pessoas tinham uma má vontade pra atender..) e aí vc acaba fazendo amizade com o pessoal. A própria Nay, sempre dava altas dicas sobre o que fazer na cidade, a Mi, estagiária de turismo, também, muito gente boa! o Carloxxx, que ficava durante a noite, sempre abria a porta pra gente lá pras 4h, 5h da manhã e mesmo assim de bom humor! E a dona Ilma, que preparava o café da manhã e limpava o quarto mesmo com a bagunça que a gente deixava!!
O legal do hostel também é a socialização. Você conhece várias pessoas, do mundo inteiro, de culturas muito diferentes. A figura mais engraçada desse hostel foi a Cibele Marie, uma carioca francesa (ou seria francesa carioca?) engraçadíssima! Aquele estilo madame/perua decadente, que já viveu muito e tem muita história pra contar! Segundo ela, Búzios era uma cidade melhor pra se viver antes de ficar cheia de turistas. A história da Brigitte Bardot é uma farsa pra atrair turistas e a rua das Pedras é um lixo! Nós tínhamos é que conhecer o Clube de Vela, porque é lá que estavam os gatos!! Segue uma foto dessa figura:

Outra coisa legal desse hostel é a localização! Ele fica na praia de Geribá, (essa praia também merece um post a parte) que é uma das praias mais agitadas de Búzios. Além de ser o melhor lugar pra quem é jovem, é uma praia grande, então mesmo que tenha muita gente, é possível encontrar um espacinho pra tomar um sol e curtir o mar. Pra quem quer uma praia mais tranquila, por perto, tem a Ferradura e Ferradurinha.
Além de outras facilidades: mercado, padaria, farmácia, posto de gasolina, ponto de táxi e ônibus - tudo por perto. Tem um bom centro comercial no bairro, além de ser próximo ao centro gastrônomico, em Manguinhos e também não ser muito longe do centro e da badalada Rua das Pedras.
Até mesmo quando bate um ócio, como foi o caso da nossa última noite - não podíamos sair, porque o trasfer passaria às 5h da manhã (e as energias tb não eram muitas) - há coisas pra fazer. A Amanda preferia ver a novela, a Cris às vezes entrava na internet, eu, a Pri e a Lari ficavamos conversando na cozinha, envolta da mesa de sinuca, e nesse último dia, nós jogamos Imagem & Ação, o que foi muito divertido.
Enfim, sinto saudades do nosso quarto 2, de ir no terraço e ter certeza de que o dia estava ensolarado, de tirar fotos na sacada antes de sair, de atormentar o Carrlox na volta! Sem dúvida, não haveria lugar melhor para ficarmos!!!
Caso você vá a Búzios, segue aí minha opção de hospedagem. Tenho certeza que não vai se decepcionar!!!

 (Nós junto com a Nay e a Mi, no dia da Virada) 

(A ceia de Reveillon organizada pelo Hostel) 



(Foto geral!! estamos lá no fundooo.. óbvio que não dá pra ver..rss) 




Um comentário:

Daniel Lemos Cury disse...

Adorei os comentários!! AInda quero ir para um Hostel no Brasil... ouvi dizer que tem um em Copacabana que é demais. E conhecer gente é sempre bom. Como eu disse p/ um amigo meu: deixe pra ficar em hotel quando vc estiver velho e tiver um pouco mais de dinheiro...

Ocorreu um erro neste gadget